Feij√£o Branco

O consumo de feijão está sendo associado a redução de incidência de doenças cardiovasculares, diabetes, obesidade e até mesmo neoplasias.
Esta leguminosa contém poucas calorias, porém é um alimento de alto valor nutritivo, rico em vitaminas e minerais como cálcio, magnésio, ferro e manganês, assim como em proteínas e fibras alimentares, que auxiliam na redução do colesterol e no controle da glicemia.
Também é rico em ácido fólico, que vem sendo muito estudado por sua proteção contra defeitos na formação fetal, e potássio, um mineral importante para a transmissão nervosa, contratação muscular e equilibrio de fluídos no organismo.
O feijão-branco é maior e mais cremoso que os outros, e apesar de geralmente ser consumido em saladas, descobiu-se agora que emagrece. “
O feijão-branco ajuda a emagrecer, porque ele tem uma proteína de reserva. Não só o feijão-branco, os feijões todos têm, mas o feijão-branco é o mais utilizado para isso, para este fim. Ele tem uma proteína chamada faseolamina, e essa proteína é inibidora do processo de digestão do carboidrato.
Então, ela retarda, inibe essa absorção de açúcares no sangue”, aponta a nutricionista Renata Ramos, da Universidade do Vale dos Sinos (Unisinos).
Geralmente devem ficar de molho para cozinhar mais rápido, sendo mais indicado escorrer a água do molho e utilizar água nova para o cozimento, pois evita-se assim a formação de gases.