Canários - História

A trajetória de sucesso da espécie começou há cerca de 500 anos, quando seu ancestral, o Serinus Canarius, encantou a Europa trazido por navegadores que o descobriram nas Ilhas Canárias, da Espanha. Após cinco séculos de criação, evoluiu a ponto de se tornar uma ave de estimação de grande popularidade.
Ganhou também atrativos adicionais graças a fixação de mutações e ao aprimoramento genético, com variedades em cada uma das três qualidades mais valorizadas nos pássaros: o canto, as cores e o porte. Assim, além do melodioso Canário de Canto, existem o Canário de Cor, que se destaca pela pureza da cor - são 360 catalogadas -, e o Canário de Porte, de vários tamanhos e com plumagens especiais, divididas em 25 raças oficiais.